Que torneira de lavatório escolher?

Hoje em dia, a grande maioria das torneiras de lavatório são, na realidade, torneiras misturadoras, chamadas misturadores de lavatório no Brasil. Ao escolher uma misturadora de lavatório, há que considerar não só a vertente estética como também questões funcionais. Têm surgido no mercado misturadoras de lavatório mais económicas e ecológicas, com tecnologias que ajudam a racionalizar o consumo de água e também da energia utilizada no aquecimento desta.

Torneiras de lavatório: ver produtos

  • Como escolher uma misturadora de lavatório?

    Há vários aspetos a levar em conta ao escolher uma misturadora de lavatório. Elaborámos este guia de compra em seis secções para o ajudar na sua escolha.

    • Misturadora monocomando ou bicomando
    • Materiais
    • Tipo
    • Instalação
    • Número de furos
    • Outras características
  • Misturadora de lavatório monocomando ou bicomando?

    Misturadora bicomando GRAFF

    Misturadora bicomando GRAFF

    As torneiras misturadoras são assim designadas porque efetuam a mistura de água quente e fria antes da sua saída por uma única bica. Existem misturadoras monocomando e bicomando.

    • As misturadoras monocomando têm um só manípulo para regular a temperatura e o fluxo da água. Uma das vantagens da misturadora monocomando é que se pode deixar o manípulo na posição que corresponde à temperatura desejada, evitando ter de voltar a ajustá‑la.
    • As misturadoras bicomando têm dois manípulos, um para regular a água quente e o outro a água fria. A desvantagem da misturadora bicomando é que se leva mais tempo a obter a temperatura desejada, uma vez que é preciso ajustar o caudal da água fria e da água quente separadamente.

    As misturadoras equipadas com limitador de caudal (ou redutor de vazão) permitem reduzir o consumo de água. Como é utilizada menos água quente (e fria) na mistura, também se poupa na energia usada para aquecer essa água. Estes dispositivos constituem uma solução económica e ecológica, podendo ser adaptados à maioria das torneiras ou vir já integrados.

  • Que materiais escolher para uma misturadora de lavatório?

    A escolha do material do corpo e do acabamento da misturadora irá depender, nomeadamente, da resistência pretendida e do estilo que melhor combine com a decoração da sua casa de banho. Pode optar por uma misturadora em metal ou em vidro, por exemplo. A maioria das misturadoras de lavatório é em metal, geralmente cromado. As misturadoras em metal cromado destacam‑se pela sua elevada durabilidade. No entanto, também há misturadoras de metal com acabamento em níquel, em ouro ou em aço escovado. As misturadoras em vidro conferem um toque moderno e minimalista ao espaço, mas podem danificar‑se mais facilmente do que as de metal.

  • Quais os diferentes tipos de misturadoras?

    Torneira temporizada ROCA

    Torneira temporizada ROCA

    As misturadoras convencionais, de funcionamento mecânico, continuam a ser a escolha mais corrente, pois existe uma oferta vasta e variada no mercado e são fáceis de instalar. As misturadoras termostáticas são assim chamadas porque têm um termóstato que mantém constante a temperatura da água. São geralmente mais caras do que as convencionais mas, como limitam a temperatura máxima da água, há muitas famílias com crianças que as preferem para evitar acidentes com queimaduras.

    As misturadoras eletrónicas são ativadas por um sensor de proximidade quando este deteta o movimento das mãos. As misturadoras temporizadas fecham automaticamente ao fim de alguns segundos, poupando água. As misturadoras eletrónicas e as temporizadas são bastante comuns em espaços de uso público ou coletivo, tais como aeroportos e centros comerciais. As torneiras com comando de joelho ou de pé reduzem os riscos de contaminação, uma vez que são acionadas sem contacto manual, o que as torna particularmente indicadas para estabelecimentos de saúde.

    • Convencionais: a escolha mais comum para espaços quer residenciais quer de uso coletivo.
    • Termoestáticas: a melhor opção em locais frequentados por crianças.
    • Eletrónicas e temporizadas: ideais para espaços que recebam público, como aeroportos e centros comerciais.
    • Com comando de joelho ou de pé: indicadas para hospitais e clínicas.
  • Por que tipo de instalação optar para a misturadora de lavatório?

    Ao escolher uma misturadora, certifique‑se de que o tipo de instalação que pretende é compatível com a localização das canalizações na sua casa de banho e com as características do lavatório.

    No mercado, estão disponíveis misturadoras de lavatório de parede, de bancada e freestanding, isto é, para montagem no chão, mais conhecidas no Brasil por misturadores de piso.

    As mais fáceis de instalar são as misturadoras de bancada, que podem ser montadas diretamente no rebordo pré-perfurado do lavatório ou no tampo do móvel em que este está instalado, sendo neste caso necessário abrir os furos. As misturadoras de parede deixam livre o espaço sobre a bancada e o lavatório. No entanto, como os canos da água devem passar por dentro da parede, o custo da instalação pode facilmente aumentar se for preciso efetuar trabalhos de canalização.

    As misturadoras freestanding, ou misturadores de piso, destacam-se pelo design original e minimalista, aparecendo frequentemente associadas a lavatórios de coluna de linhas modernas. Contudo, as canalizações de água devem passar por baixo do chão, o que pode tornar a instalação mais complexa e mais cara.

  • Quantos furos requerem as misturadoras de lavatório?

    O número de furos necessários dependerá da configuração da misturadora que escolher. As misturadoras monocomando convencionais, ou seja, com bica integrada, são misturadoras de um único furo. As de três furos são, geralmente, misturadoras bicomando constituídas por três elementos separados: a bica e os manípulos da água quente e da água fria.

    Misturadora de um furo RITMONIO

    Misturadora de 1 furo RITMONIO

    Misturadora de 2 furos FLAMINIA

    Misturadora de 2 furos FLAMINIA

    Misturadora de 3 furos TREEMME

    Misturadora de 3 furos TREEMME

  • Que outras características ter em conta?

    Considere adquirir uma misturadora ecossustentável, equipada com tecnologia economizadora de água e de energia. Para locais que exijam condições de higiene mais rigorosas, pode optar por misturadoras de lavatório com comando de pé ou de joelho, ou por misturadoras eletrónicas com sensor, acionadas sem contacto.
    No mercado, encontra igualmente misturadoras com iluminação integrada ou com displays LED, opções estas mais comuns em casas de banho “inteligentes” de habitações particulares ou hotéis. Para dar um toque de requinte à sua casa de banho, as misturadoras com jato em cascata representam uma solução discreta e de extrema elegância.

    Misturadora eletrónica MARIANI

    Misturadora com iluminação integrada MARIANI

    Misturadora de vidro AXOR

    Misturadora em cascata AXOR

    Misturadora com display LED MISCEA

    Misturadora com display LED MISCEA

  • Como poupar água e energia na misturadora de lavatório?

    Para reduzir o consumo de água, tenha atenção ao caudal da misturadora do lavatório. É, ainda, preciso ter os devidos cuidados para evitar fugas e, quando sejam detetadas, repará‑las o mais rapidamente possível. Feche a torneira sempre que não esteja a utilizá-la.

    Deixamos aqui mais algumas dicas para reduzir o consumo de água e de energia da sua misturadora de lavatório:

    1. Inspecione os elementos de vedação e as válvulas. Assegure‑se de que estão em bom estado e a funcionar corretamente, a fim de evitar fugas que levem ao desperdício de água.
    2. Regule bem a temperatura da água para não gastar energia desnecessariamente. Se tiver uma misturadora bicomando, regule a água com um manípulo de cada vez para poupar água e energia.
    3. Instale um arejador na sua misturadora de lavatório. Se estiver a pensar trocar a sua torneira de lavatório por um modelo que gaste menos água, saiba que não precisa de comprar uma nova torneira. Em vez disso, poderá adquirir uma peça chamada “arejador”, ou “aerador”, que se instala no cano da misturadora. O arejador mistura ar com a água, reduzindo significativamente o caudal de água sem diminuir a força do jato.
    4. Prefira misturadoras de lavatório com elevada eficiência hídrica e energética. Existem novas tecnologias usadas em torneiras que indicam o consumo de água e a vida útil dos filtros, o que pode ajudar a racionalizar o uso de água e de energia. Outra das inovações tecnológicas nesta área são as misturadoras com sensores infravermelhos, que abrem quando se aproxima as mãos.
    5. Opte por uma misturadora termostática. Uma válvula misturadora termostática permite regular mais rapidamente a temperatura da água, proporcionando maior conforto e reduzindo o desperdício de água.
  • Últimas tendências

    Os avanços tecnológicos levaram, por exemplo, à criação de misturadoras de lavatório com sensores, que permitem acioná‑las sem contacto. Mas há outras inovações neste setor:

    • Sensores de toque (capacitivos) de nova geração, para regular simultaneamente o caudal e a temperatura da água.
    • Design moderno e novos acabamentos, como o latão escovado e o ouro rosa. Algumas marcas propõem agora torneiras de lavatório com novos acabamentos criados pelo processo de deposição física em fase de vapor, que previnem o aparecimento de riscos e manchas.
Guias relacionados
1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...
Ainda não há comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será visível.